6 de maio de 2008

Dia da Mãe

Ultimamente tenho andado a dedicar-me aos Origamis... Essa arte japonesa de quem não tem mais nada na vida a não ser cultivar paciência! E eu que o diga... Se há coisa que apurou a minha paciência é esta mania de tentar fazer origamis!
Conversas a parte... No outro dia dei conta que era dia da mãe e eu tinha-me esquecido!
Podemos sempre apelar aquela tipica frase "é como o Natal: quando um Homem quer", mas a verdade é que um miminho aqueles que nos aturam a tanto tempo fica sempre bem...!

Então encontrei um urso perdido, daqueles de quando andavamos de bicicleta com rodinhas e tinham umas letras e dava para escrever os nossos nomes.. Bem... Este tinha um "i"... Coisa que não tem muito a ver com o meu nome e a bem da verdade nem sei o que andava a fazer la por casa, porque não me lembro de gostar deste tipo de coisas...
Enfim! Tirei o "i" e fiz 3 flores diferentes em Origami para substituir o "i"...
É um raminho de flores mais duradouro! (pelo menos se os meus gatos não comerem!)
Não está nada de especial... É mais uma coisa minha! :)